PESQUISE A BIBLIOTECA DO NOTICIÁRIO-EVANGÉLICO

Tuesday, November 30, 2010

Desentendimento religioso em Ponta Porã

Um homem foi detido pela Polícia Militar e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã, após praticar uma suposta perseguição religiosa. O caso aconteceu em um salão de cabeleireiros situado na Vila Áurea, periferia da cidade. A vítima, uma idosa de 72 anos, passou mal e teve que ser socorrida no Hospital Regional.
Conforme as informações repassadas pela Polícia Militar, R.P.L., de 44 anos, que é evangélico, chegou ao Salão Aquino, momento que saudou a todos com gesto de paz. Instantes depois, ele se dirigiu com ofensas à M.C.G., de 72 anos, pertencente à Igreja Assembléia de Deus.
A idosa que é mãe de um pastor da Assembléia tentou argumentar, mas o autor continuou com as agressões e segundo a Polícia Militar disse: “todos os pastores da Igreja Assembléia de Deus são cachorros e imprestáveis e não ganham almas para Jesus”.
R.P.L. ainda disse para a idosa se batizar na sua igreja e que só assim ela teria a alma salva do inferno. Segundo a PM, a mulher teve que ser levada ao pronto socorro do Hospital Regional, ficando em observação. O acusado foi levado ao 1º DP, onde foi autuado pela prática de perseguição religiosa. Via correiodoestado

COMENTÁRIO BÍBLICO: Parece que alguns teimam em não entender a mensagem da cruz. A salvação é poder exclusivo de Jesus Cristo, não de denominações ou religiões. Jesus não montou nem ordenou montagem de religiões. Por mais que se gloriem, todas deverão se prostrar diante do Mestre e por ele serem julgadas pelos tropeços colocados diante da humanidade. Se alguém quer servir a Cristo, siga e obedeça ao que Ele ensinou, pois não será justificado aquele que ouve e não pratica.

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Pr. Marcos Pereira media ocupação do complexo do Alemão.

Pastor brasileiro da Assembléia de Deus dos Últimos Dias (Adud), Marcos Pereira mediou uma ocupação da polícia no Complexo do Alemão, no estado do Rio de Janeiro, neste domingo, dia 28.
O Dia “D” para o Rio de Janeiro culminou na apreensão de 40 toneladas de maconha. Marcos Pereira, que ganhou a mídia ao mediar conflitos semelhantes entre policiais e bandidos, disse que enviou sua equipe ao morro.
“O Governo teve atitude em tomar aquele espaço tomado por algo satânico,” disse o pastor.
Segundo ele, apesar do Governo não considerar oficial a negociação de Marcos Pereira, a equipe da Adud esteve na madrugada no Complexo do Alemão. Alguns traficantes supostamente aceitaram o apelo e se renderam. Marcos Pereira disse que ficou não muito tempo no local para não ser acusado de oportunista pela mídia.
Segundo ele o instituto está dando assistência no local através de voluntários e comemorou o não derramamento de sangue durante a ocupação.
“Cocaína é droga. Algo espiritual. Material bélico, não. Autoridades competentes precisam impedir que isto cheguem às mãos dos traficantes,” declarou.
Fonte: Christian Today


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Saturday, November 20, 2010

Software leva Bíblia para mais de10 milhões de celulares

EUA - O programa YouVersion já está presente em mais de 10 milhões de celulares. Com versão online e software que roda em 9 plataformas de smartphones, conta com tradução da bíblia em 22 idiomas, com 41 traduções. 

Bíblia Eletrônica YouVersion, detalhes e download aqui
Líderes de uma das  maiores Igrejas evangélicas nos Estados Unidos anunciaram, essa semana, que o aplicativo da Bíblia YouVersion superou todas as expectativas e agora tem 10,7 milhões de usuários.
A YouVersion começou como um simples e pequeno sonho de tornar a Bíblia mais acessível e ter a geração mais jovem letrada na Bíblia. Líderes da LifeChurch.tv de Oklahoma lançaram o aplicativo de smartphone em 2008 com a esperança de que iria ter 60.000 a 80.000 usuários durante o ano.
Mas em três anos, a YouVersion explodiu a ser um dos aplicativos mais populares com 10 milhões de usuários. A cada 2,8 segundos alguém novo instala o aplicativo e durante o mesmo período 12 outras pessoas estão usando ela para ler a Bíblia.
“Podemos ser a geração que atualmente se volta e diz, ‘Nós não somente queremos expressar que nós amamos a Bíblia e pensar que a Bíblia é algo que nós podemos ler, mas nós em verdade queremos ser a geração que se incorpora a Bíblia como parte de nossas vidas,” pediu Bobby Gruenewald, líder de inovação na LifeChurch.tv, na transmissão ao vivo por internet, terça-feira.
Somente no fim de semana passado, houve mais de 100.000 downloads do aplicativo, compartilhou a equipe da YouVersion.
A LifeChurch.tv, conhecida por sua inovação e habilidade de conectar-se com a geração mais jovem, primeiramente lançou a YouVersion online para usuários em 2007. A idéia foi em resposta às estatísticas que mostraram que apesar da fácil distribuição da Bíblia e disponibilidade em muitos idiomas, cada geração está se tornando menos letrada em Bíblia. Cerca de 20.000 usuários fizeram download do programa em somente cinco meses da versão online.
Em 2008, a equipe lançou a versão móvel para fones e viram o tráfego crescer. Eles decidiram que ai é onde Deus está se movendo e pôs mais recursos atrás do desenvolvimento da YouVersion para smartphones.
A aplicação gratuita de YouVersion está agora disponível em nove diferentes plataformas e em 20 idiomas diferentes. A plataforma mais popular até o momento é o iPhone, mas o que mais cresce é o Android. Os usuários podem ler a Bíblia em sua totalidade, buscar por passagens com certos critérios, e escolher planos de leitura. Há 23 diferentes tipos de leitura que os leitores podem escolher.
Até sexta-feira, uma seção para notas de rodapé irá estar disponível na YouVersion.com. E na próxima semana, essas seções de notas estarão disponíveis nas plataformas móveis, começando com o Blackberry. O iPhone irá ser a última plataforma com uma área de notas porque o processo de aprovação leva tempo.
“O que nós podemos ver com o aplicativo e o número de pessoas falando sobre isso e compartilhando isso com outros, é que nós estamos vendo o que eu penso ser o começo de uma revolução,” disse Terry Storch, que lidera a equipe digerati na LifeChurch.tv.


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Filho de pastor relata sua visita ao céu em livro

(Reportagem com vídeo) Experiências de quase morte são controversas. Já foram analisadas e estudadas exaustivamente, sem que haja uma palavra final sobre o assunto. Para alguns não passa de alucinação, para outros é algo profundamente espiritual.
Nos últimos dias tem se debatido muito, nos Estados Unidos, a história de Colton Burpo. Quando este filho de um pastor metodista do Nebraska tinha quatro anos (em 2003), teve uma apendicite que foi diagnosticada errada. Assim que os médicos descobriram o que havia ocorrido, ele foi submetido a uma operação de emergência. Ele não resistiu, disseram os médicos, e ele foi dado como morto.
Deitado na cama de um hospital, o menino narra que pode ver sua alma subindo até o céu. Ele descreve que viu e ouviu o que seu pai orava e o que sua mãe fazia nos corredores do hospital. Chegando ao céu, encontrou seu bisavô e conversou com a irmã mais velha que nunca conheceu, pois sua mãe teve um aborto espontâneo, assuntos que ele desconhecia até então.
Ele narra que viu e conversou com Jesus, que andava em um cavalo que somente ele podia montar. Descreveu ainda uma visão de Deus “muito grande”, sentado em uma cadeira muito alta. Depois de algum tempo no céu, tendo visões que se assemelham em muitos aspectos ao que diz o livro de Apocalipse e conversar com personagens bíblicos como João Batista, o menino voltou à Terra.
Ele reviveu e relatou tudo que experimentou ao pai, Todd, que decidiu registrar em um livro chamado “Heaven is for real” [O Céu é de verdade], lançado pela Thomas Nelson. O livro tem o prefácio de Don Piper, que também escreveu uma obra narrando como foi sua experiência no céu e que endossa o testemunho de Colton.
Este não é o primeiro livro escrito por pessoas que alegam ter visitado o céu. O que chama atenção é o fato de ser narrado por uma criança de quatro anos de idade. Segundo seu pai, muitas das coisas que ele narra não seriam possíveis para ele conhecer. Desde a história da perda da irmã no ventre materno até detalhes sobre a visão celestial que corroboram com a narrativa do apóstolo João no livro de Apocalipse.
No início desta semana o menino e o pai foram entrevistado pela rede americana Fox, no programa Fox & Friends (vídeo abaixo). O que era para ser uma simples promoção de seu livro (qua acaba de ser lançado) se transformou quase imediatamente em uma controvérsia nacional. Centenas de sites e blogs reproduziram a entrevista, muitos elogiaram a emissora enquanto um outro grupo fazia pesadas críticas ao que consideram uma tentativa da direita cristã de impor sua agenda e usar o menino para isso. OS detalhes fornecidos pelo jovem Burpo de que todos são jovens no céu e que os olhos de Jesus são azuis criaram controvérsia também no meio religioso. O livro já tinha passado das 100.000 cópias vendidas antes de toda essa exposição de mídia e agora certamente irá ter uma procura ainda maior.
Vídeo da reportagem feita pela da Fox News (em inglês):


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Pastor convence pedófilo-estuprador-assassino a se entregar

Homem confessou ter matado adolescente de 13, segundo a polícia. Vítima foi estrangulada após manter relações sexuais com o homem.
Após ser convencido por um pastor evangélico, um homem de 24 anos se entregou à polícia de Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta quinta-feira (18). A informação é da Polícia Civil da cidade. Ainda segundo a polícia, ele confessou ter matado uma adolescente de 13 anos no dia 10 de novembro em Samambaia do Norte, no Distrito Federal.
De acordo com informações da Polícia Civil, em depoimento, o homem relatou que estrangulou a jovem, mas não disse os motivos. Após uma festa na cidade, o casal, que se relacionava há cerca de dois meses, manteve relações sexuais em um lote vago, segundo a polícia. Em seguida, o suspeito teria matado a jovem e deixado o corpo no local.
Ainda segundo a Polícia Civil, o homem teria seguido para casa após o crime e fugiu depois de saber que a família da jovem havia registrado o desaparecimento na polícia.
O suspeito conseguiu uma carona e seguiu para Minas Gerais, segundo a polícia. Ele esteve em Belo Horizonte e, depois, seguiu para Pedro Leopoldo. Nesta cidade, o homem conheceu um pastor evangélico e teria se mostrado arrependido.
Após prender o homem nesta quinta-feira (18), a polícia descobriu que ele tinha ocorrências de roubo em aberto em Brasília. Segundo a Polícia Civil de Pedro Leopoldo, o suspeito está detido no Presídio de Pedro Leopoldo e vai ser transferido para Brasília.
Fonte: G1

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Friday, November 19, 2010

TJ suspende distribuição de livro por "elevado conteúdo sexual"

TJ proibe livro por conteúdo sexual
O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que a Secretaria Estadual de Educação de São Paulo seja proibida de distribuir aos alunos da rede estadual de ensino o livro intitulado “Cem melhores contos brasileiros do século”. Segundo o desembargador Maia da Cunha, relator do processo, “as cópias dos contos contestados evidenciam seu elevado conteúdo sexual, com descrições de atos obscenos, erotismo e referências a incestos”. A decisão foi tomada no último dia 12.
Segundo a sentença, a Secretaria Estadual de Educação terá de evitar a distribuição de novos exemplares até o julgamento final do processo, sob pena de pagamento de multa de R$ 200 por livro distribuído. O Tribunal de Justiça também determinou que na medida do possível os livros já distribuídos a alunos do ensino fundamental e do ensino médio sejam recolhidos. Consultada pelo G1, a Secretaria Estadual da Educação  informou que se manifestará até o final do processo e disse que os livros eram distribuídos apenas aos estudantes do ensino médio.
Segundo o processo, a  distribuição do livro “Os cem melhores contos brasileiros do século”, da editora Objetiva, é parte integrante do Programa Apoio ao Saber, que destina anualmente, desde 2008, três títulos literários aos alunos.
De acordo com a sentença, “a leitura dos trechos destacados, partindo-se da visão do homem médio, a princípio, revela que seriam inapropriados para estudantes do ciclo II do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, que têm entre 11 e 17 anos, sem desmerecer, em hipótese alguma, a qualidade técnica e literária das obras”.
“O livro é ótimo, mas não é adequado para crianças. São os melhores contos do século mesmo”, disse o advogado Renato Menezelli, do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor. Ele disse que o pedido de recolhimento do livro foi negado em primeira instância porque a Justiça considerou que isso seria censura.
Polêmica
A distribuição do livro havia causado polêmica em Jundiaí e em Itapetininga, cidades do interior do estado. O conto citado pelos pais como inapropriado é o “Obscenidades Para Uma Dona de Casa”, de Ignácio de Loyola Brandão, que narra a história de uma mulher que recebe cartas de um desconhecido. As cartas descrevem detalhadamente momentos de atos sexuais.
Após a polêmica em Jundiaí, o escritor disse que os pais “não estão vendo a realidade”. “Nesse momento eu acesso a internet e vejo jovens mandando e-mails com imagens nuas para os amigos. Vejo mensagens no Twitter, de jovem para jovem, muito obscenas”, afirmou o escritor na ocasião. “Eu me pergunto onde estão esses pais que não conversam com os filhos, que não perguntam o que eles acham de sexo, de erotismo, de palavrão. Que mentalidade é essa, 1500? Em 2010 isso não faz sentido.”
Fonte: O Verbo / G1
 
COMENTÁRIO BÍBLICO: Enfim, parece que a seriedade e a sobriedade ainda está em pauta entre os dignos magistrados do Tribunal de Justiça paulista. Se não há mais nenhum órgão de censura a tudo que se faz no Brasil, pelo menos ainda temos o Tribunal de Justiça de São Paulo atuando como órgão decisor em questões dessa natureza. Parabéns ao órgão judiciário, pela sua atuação como baluarte da coerência e dos bons costumes. - Pr. W. Cipriano

Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Antropólogo generaliza e atribui crimes de ódio a cristãos: Igreja tem mãos sujas de sangue

Antes de ler a matéria abaixo, pedimos ao leitor que considere um fato histórico: sempre, desde o princípio da Igreja de Jesus Cristo, os cristãos verdadeiros jamais perseguiram, mataram, ofenderam ou humilharam alguém. Pode parecer ironia, mas não é. Quem estudou história sabe que os cristãos morriam nas mãos dos romanos pela espada, jogados aos leões, apodrecendo nos cárceres. Só por pregar o Evangelho. Essa é a Igreja Verdadeira. Só para ilustrar, Deus compara o verdadeiro cristão à ovelha: lã branca (pureza e santidade), quatro pés (firmados nos quatro evangelhos), precisa de um pastor para conduzí-las (Jesus Cristo) às campinas verdejantes (onde está o alimento da Palavra de Deus), não dão patadas, não tem chifres, sua cauda não representa perigo. Para sua defesa a  Ovelha não recebeu nenhum tipo de arma. Conta apenas com a intervenção do Pastor e seu bordão: Jesus Cristo. Portanto, esse sangue derramado nunca foi derramado pela Igreja Verdadeira, como quer fazer parecer o Sr. Luiz Mott, generalizando os cristãos na entrevista abaixo. O sangue derramado sempre é derramado pelos não genuinamente cristãos convertidos, fanáticos e cheios de ódio nos corações. O verdadeiro cristão tem amor no coração ao ponto de morrer sem levantar suas mãos contra o opressor, dizendo como Estevão: Pai, perdoa esses, que não sabem o que fazem! E assim o Evangelho nos compele a informar aos não cristãos de que Jesus é poderoso para resgatar e salvar as almas de todos os homens. Nesse contexto, devemos informar a todos sobre o que Deus quer e espera do ser humano. Todos devem saber porque Deus os considera "perdidos e pecadores". Por isso informamos a todos, não somente aos GLBTs (Gays, Lésbicas, Bissexuais,Transexuais e simpatizantes), que haverá um juízo sobre todos nós e todo aquele cujo nome não for achado escrito no Livro da Vida é porque não se arrependeu de seus pecados (fruto de suas escolhas) e morreu ignorando os avisos de Deus através da Sua Igreja. A Igreja primitiva foi quase dizimada e nós, cristãos, hoje,  estamos em aperto: se não anunciamos o Evangelho, responderemos pelas vidas que morrem perdidas, por nossa inércia na pregação. Se pregamos, tornamo-nos horríveis para os que não crêem, pois consideram absurdo falar sobre pecado e condenação eterna. O fato, em suma, é que a Igreja de Jesus tem a responsabilidade espiritual pela pregação do Evangelho na terra. Isso não é ofender, é alertar. Nosso dever está acima de nossas próprias vidas, que estão nas palmas de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ali estamos, escondidos nos furos das mãos de Cristo. Ele é que nos guardará e nos defenderá de todas as obras do maligno para desvirtuar os ensinamentos das Escrituras Sagradas. O Congresso poderá até aprovar medidas absurdas como essa, mas também devem ser lembrados que, por tudo o que fizerem, responderão perante Deus. e ficarão sujeitos à segunda morte. A classe política pode até ser composta por ateus, mas sua responsabilidade permanece diante de Deus: "Ai dos que decretam leis injustas, e dos escrivães que prescrevem opressão". Isaías 10:1 Fazer leis que justificam pecadores e condenam cristãos justos que anunciam a Palavra de Deus é abominação aos olhos do Soberano Criador. Temam, porque do céu vem a recompensa: Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça. Romanos 1:18 
Ressaltamos os seguintes erros cometidos pelo antropólogo: as violências noticiadas não foram produzidas por  cristãos.  Chamar pecadores ao arrependimento não é discurso fundamentalista, pois não incita perseguição a qualquer classe de pessoas. Biblicamente falando, Deus considera os não convertidos como pecadores, mas não ordena discriminar, perseguir ou matar. A decisão diante da mensagem bíblica é pessoal e depende somente do pecador. Deus ordena conscientizá-los de sua vida pecaminosa, mas eles tem o livre arbítrio garantido por Deus de continuar a viver como quiserem. Finalmente, lembramos que existem preconceitos culturais e pessoais, não bíblicos. Para o Criador,   tanto judeus como gregos, todos estão debaixo do pecado; Romanos 3:9 Por isso a Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, para que a promessa (da Salvação) pela fé em Jesus Cristo fosse dada aos crentes. Gálatas 3:22 
Esperamos, com isso, que todos tenham em mente os planos divinos para Salvação e que a Igreja Verdadeira trabalha para todos entendam os propósitos reais e verdadeiros do Altíssimo.
Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz a Todos. 
Pr. Wagner Cipriano, advogado e cristão praticante.


Antropólogo atribui a culpa da violência contra homossexuais aos cristãos: “Igrejas têm mãos sujas de sangue”


O espancamento de homossexuais por jovens de classe média alta na Avenida Paulista e a tentativa de homicídio contra um rapaz de 19 anos após a Parada Gay na orla de Copacabana, no Rio de Janeiro, ambos ocorridos no último fim de semana, são, na opinião do antropólogo e historiador Luiz Mott (foto), resultado da intolerância, reforçada por um discurso fundamentalista religioso.

“A maior visibilidade e a conquista de espaços públicos por parte de homossexuais provocam a ira dos mais intolerantes, que estavam acostumados a um complô do silêncio”, afirma, completando:
“As igrejas cristãs, em geral, têm as mãos sujas de sangue, pela intolerância que divulgam nos púlpitos e nas televisões. Elas fornecem munição ideológica para aqueles que têm ódio de homossexuais, fazendo com que esse ódio aumente. Vai chegar uma época em que o papa e essas igrejas vão pedir desculpas de joelhos aos homossexuais, como a igreja já pediu desculpas aos judeus, negros e índios”.
Para Mott, que é fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB), o País trata a questão da homossexualidade de forma contraditória:
“O Brasil tem um lado cor de rosa, que é representado pelas paradas gays, tem mais de 200 paradas e a maior parada gay do mundo; tem a maior associação LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais) da América Latina; tem o Programa Brasil Sem Homofobia, ou seja, conquistou muitos avanços, mas tem um lado vermelho sangue. O Brasil é o país líder em assassinatos de homossexuais. Não é o país mais homofóbico do mundo, porque não temos leis, como no Egito ou no Iraque, onde os homossexuais podem ser executados, mas, a cada dois dias, um gay, uma travesti ou, em número muito menor, uma lésbica é vítima de crimes de ódio. São crimes praticados com requintes de crueldade”.
Confira a entrevista.
Terra Magazine – No último fim de semana, houve episódios de violência contra homossexuais, tanto no Rio de Janeiro quanto em São Paulo…
Luiz Mott – E acrescente três travestis assassinadas no Paraná, também no último fim de semana. A bruxa está solta. A maior visibilidade e a conquista de espaços públicos por parte de homossexuais provocam a ira dos mais intolerantes, que estavam acostumados a um complô do silêncio. Os próprios homossexuais não se expunham para evitar situações de risco. Há anos, na Bahia, quando passavam um gay e os machistas percebiam, eles gritavam: ‘Tchibum’. Como dizendo: ‘Ali passa o veado, vamos caçar o veado’. Era uma forma de desmascarar.
Hoje, as pessoas partem para a agressão física, como aconteceu (em 2000) com o Edson Neri, na Praça da República (São Paulo), que foi o caso mais emblemático. Ele foi trucidado por um bando de carecas neonazistas. Acho que essa visibilidade incomoda. Há também a intolerância religiosa, que continua pregando como nunca, a ponto do (pastor Silas) Malafaia colocar cartazes na rua, dizendo que Deus criou o homem e a mulher, ou seja, a homossexualidade é uma aberração, um pecado.Tem essas duas coisas, a visibilidade que provoca a intolerância, que é reforçada por um discurso fundamentalista.
O Brasil tem um lado cor de rosa, que é representado pelas paradas gays, tem mais de 200 paradas e a maior parada gay do mundo; tem a maior associação LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais) da América Latina; tem o Programa Brasil Sem Homofobia, ou seja, conquistou muitos avanços, mas tem um lado vermelho sangue. O Brasil é o país líder em assassinatos de homossexuais. Não é o país mais homofóbico do mundo, porque não temos leis, como no Egito ou no Iraque, onde os homossexuais podem ser executados, mas, a cada dois dias, um gay, uma travesti ou, em número muito menor, uma lésbica é vítima de crimes de ódio. São crimes praticados com requintes de crueldade.
A principal justificativa desses assassinatos é o preconceito, a aversão aos homossexuais?
Sim. São crimes em que a vulnerabilidade da vítima é fator fundamental. O assassino parte do pressuposto ou que o gay é frágil, efeminado, não vai reagir, é presa fácil ou que ele não vai ter o apoio dos vizinhos, do zelador do prédio, porque os gays são pessoas, muitas vezes, odiadas. Há casos em que o gay gritou pedindo socorro e a vizinha não foi porque teve medo ou porque não tinha nenhuma solidariedade.
Há ainda outro fator, que chamamos de homofobia cultural. Por que a travesti está fazendo pista (se prostituindo) e, muitas vezes, está envolvida no crack? Porque ela foi jogada, foi expulsa para a margem da sociedade. Então, mesmo nos crimes em que há envolvimento com droga ou nos casos de latrocínio praticado por rapazes de programa, que transam com o gay e depois matam e roubam a vítima, a homofobia cultural está presente. Partiu-se do princípio de que veado tem mais é que morrer.
Você apontou os paradoxos que há no Brasil (o cor de rosa e o vermelho sangue). Há uma falsa tolerância?
Na verdade, há essa contradição. Os estrangeiros costumam dizer que, na América Latina, não há lugar mais fácil para paquerar, transar com homens gays, bissexuais do que no Brasil. Ao mesmo tempo, é um País que tem esse componente de agressividade letal. Em 2009, foram 198 assassinatos documentados. Em 2010, até ontem, eram 175 assassinatos. A tendência é que feche o ano ou no mesmo número ou em número maior. A média (sobre vítimas) geralmente é de 70% de gays, 27% de travestis e 3% de lésbicas.
Como essa contradição pode ser explicada?
Considero que o machismo brasileiro e o latino-americano tem raiz histórica no escravismo. Os brancos machos, donos do poder, eram menos de 20% da população. Então, para manter os outros 80% da população submissos, explorados, o macho latino-americano tinha que ser super violento e viril. Qualquer efeminação, medo podiam representar uma possibilidade de os oprimidos tomarem conta. Então, acho que essa violência contra homossexual é uma forma de afirmação da masculinidade. A homofobia e os crimes de morte têm a ver com uma afirmação do machismo, da virilidade e com a ideia de, sobretudo quando o gay é assassinado por rapaz de programa, uma questão de classe.
Há pesquisas que mostram que as pessoas de classes sociais mais baixas são mais homofóbicas, mais intolerantes, mais conservadoras.
Mas o ataque, por exemplo, aos jovens gays na Avenida Paulista foi promovido por estudantes de classe média alta.
Primeiro, tem que ver se é mesmo classe média alta ou simplesmente de classe média. A homofobia está presente em todas as classes sociais, inclusive na classe alta, embora seja predominante nos extratos mais baixos.
A universidade Mackenzie publicou em seu site um manifesto contra a lei que crimiminaliza a homofobia. O que você achou da iniciativa?
Desde o tempo em que eu era estudante da Faculdade Maria Antônia (USP), em frente ao Mackenzie, havia guerras campais. A Maria Antônia era reduto dos comunistas. Eles (Mackenzie) sempre foram reacionários, extremamente conservadores. Eu me admiro porque a intolerância tem sido maior nas igrejas penteconstais, que não são as igrejas protestantes históricas. E eles são presbiterianos, que é uma igreja histórica que, nos Estados Unidos, tem um posicionamento muito mais favorável.
Há pastores gays assumidos no presbiterianismo, inclusive no Brasil. Foi muito chocante uma igreja mais aberta, como a presbiteriana, e pelo fato de ser em uma universidade, um lugar onde se deve ensinar a ciência, e não o criacionismo. É uma inversão. A universidade virou um púlpito, mais intolerante do que as próprias igrejas pentecostais, Universal, Assembleia de Deus, que têm como líderes Malafaia, (Marcelo) Crivella e Magno Malta, que são nossos maiores inimigos.
Para você, um posicionamento mais radical em relação à homossexualidade colabora para a ocorrência de crimes contra homossexuais?
Com certeza. As igrejas cristãs, em geral, têm as mãos sujas de sangue, pela intolerância que divulgam nos púlpitos e nas televisões. Elas fornecem munição ideológica para aqueles que têm ódio de homossexuais, fazendo com que esse ódio aumente. Vai chegar uma época em que o papa e essas igrejas vão pedir desculpas de joelhos aos homossexuais, como a igreja já pediu desculpas aos judeus, negros e índios.
Particularmente, esse papa Bento XVI se distinguiu, desde quando era assessor de João Paulo II, como sendo o mais intolerante dos papas dos últimos séculos. Ele disse: ‘O homossexualismo (usando o termo patológico) é intrinsecamente mau’. Então, a partir daí é que as igrejas protestantes, inclusive muçulmanos, impediram que na Organização das Nações Unidas seja incluída a orientação sexual como direito humano fundamental.
Há muita resistência para aprovação do PLC (Projeto de Lei da Câmara) 122. Você acredita que a lei que criminaliza a homofobia vai ser aprovada? Qual sua expectativa?
Faltou vontade política ao Lula. Ele poderia ter pressionado a bancada aliada para que votasse. Há mais de uma dezena de leis no Congresso Nacional dentro da agenda LGBT e nenhuma foi aprovada. Como a Dilma vai ter maioria nas duas Casas, vamos pressionar ao máximo para que ela mobilize seus aliados.
A senadora eleita Marta Suplicy disse textualmente que a situação dos homossexuais no Brasil piorou. O número de assassinatos aumentou, nenhuma lei foi aprovada e nossos vizinhos conquistaram mais direitos, como a Argentina, que tem o casamento gay. Até o Chile e o Uruguai tiveram legislações contra a homofobia aprovadas, de modo que, infelizmente, na última década, eu digo: Se ficar, a Aids pega, se correr o homófobo mata. Para os homens heterossexuais, a Aids representa 0,8% de infecção. Entre os gays é de 11%. Infelizmente, a esperança de vida para os homossexuais nos últimos anos piorou, diminuiu. É preciso políticas efetivas. Não há nenhum governo que tenha feito tanta mobilização, programas, conferências, coordernadorias, mas nada sai do papel.
Você acha que se o PLC 122 fosse aprovado inibiria de fato a violência contra homossexuais ou seria uma lei inócua?
Há mais de 20 anos que o Grupo Gay da Bahia pleiteia a equiparação da homofobia ao racismo. Bastava para nós que os mesmos insultos, agressões, discriminações que são categorizados, no caso do racismo, como crime inafiançável, que fossem na mesma extensão para os delitos em relação à orientação sexual. Porém, esse projeto de lei, da Iara Bernardi (PT), que é a autora original do projeto, foi muito detalhado. Inclusive, como aconteceu com a lei de Juiz de Fora (Lei Municipal nº 9791, conhecida por ‘Lei rosa’), permitindo afeto em público por homossexuais…
Não tinha necessidade de colocar isso no PLC 122, porque o que não é proibido é permitido. É isso que tem atraído a ira dos evangélicos. Eles acham que os gays vão se beijar e transar dentro da igreja. Acho que o projeto de lei é importante porque tipifica os delitos de homofobia e, sendo aprovado, vai inibir a prática da homofobia no dia-a-dia, mas não tem nada sobre a violência letal. Falta no projeto uma explicitação sobre isso.
A aprovação é fundamental, sobretudo, para marcar a presença de 10% da população brasileira constituída por LGBTs, que vão ter o mínimo de proteção legal. Na Constituição de 1988, não incluiu a proibição de discriminar por orientação sexual e isso permite que juizes, delegados, policiais digam que discriminar gay não é crime. Em outros países há leis severas contra a homofobia.
Fonte: Terra

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Igreja Universal reúne seus políticos em partido próprio

Quarto deputado federal mais votado do Rio de Janeiro, com 157.580 votos, o presidente do PRB e bispo da Igreja Universal do Reino de Deus  (Iurd), Vítor Paulo dos Santos, conseguiu, com discrição e o apoio da igreja, eleger nove parlamentares do partido para a Câmara, em comparação a um em 2006. Em parte, a vitória é fruto de uma estratégia adotada em 2009, de reunir no PRB políticos da Universal, antes espalhados por muitos partidos.

Vitor Paulo é o coordenador político da Universal e integrante do seu órgão máximo, o Conselho de Bispos, desde a destituição do ex-deputado federal e ex-bispo Carlos Rodrigues, por envolvimento com o caso Waldomiro Diniz, em 2004. Membro da Universal há 21 anos, ele preside desde junho de 2006 o PRB, braço político da Iurd e sigla do vice-presidente da República, José Alencar.
Na prática, o PRB é controlado pela igreja, embora o assunto seja um tabu e o presidente e seus integrantes neguem e evitem abordar o tema. Foi bom para os dois lados: dos nove deputados eleitos pelo PRB, sete são da Universal – antes a igreja tinha quatro cadeiras na Casa.
A sede operacional do partido no Rio fica na Rede Record, empresa de comunicação da Iurd – embora o endereço registrado oficialmente seja outro. Vitor Paulo disse ao iG, por e-mail, não saber quantos dos deputados eleitos pelo PRB são evangélicos. Além dos sete membros da Universal, um dos eleitos é da Assembleia de Deus.
É o Conselho de Bispos que dá as diretrizes para o partido. Graças aos fiéis da Universal, o PRB multiplicou seus 3.295 filiados, em 2006, para 122 mil filiados no fim de 2008. Para Vitor Paulo, porém, não se pode imputar o crescimento à Universal. Segundo ele, isso se deve à “força da mulher brasileira”, à organização do partido e ao nome do vice-presidente José Alencar, “que estimula, e muito, a filiação”. “Nosso slogan é ‘o partido do Zé Alencar’”, escreveu, no e-mail. “O PRB, como o Brasil, é um partido laico”.
A igreja se manifesta politicamente através do PRB, orientado pelo Conselho de Bispos. Vitor Paulo é fiel ao órgão e tem pouca autonomia, de acordo com duas pessoas próximas. Apesar disso, respondeu com ironia sobre eventual influência do órgão na política da sigla. “Qual Conselho de Bispos? O partido não está ligado a nenhuma instituição religiosa. Repito, o partido é laico.”
Vítor Paulo divide o tempo entre o Rio e Brasília, onde dirigiu a filial da Record, e não gosta de aparecer. Só aceitou conceder entrevista ao iG por e-mail e, em diversas respostas, desvincula a igreja do PRB e evita responder a questionamentos sobre a Universal. Diz responder somente pelo PRB. “Não tenho procuração da Igreja Universal para falar por ela”.
Perda de força
Apesar do crescimento do PRB na eleição, a Universal perdeu força política após o envolvimento de parlamentares em escândalos como o Sanguessuga e o Mensalão. Em 2002, a igreja tinha 22 deputados, em diversos partidos, sob a coordenação política de Carlos Rodrigues. Desarticulada, sem Rodrigues – que renunciou em 2005 – e após uma série de escândalos, emplacou apenas quatro na Câmara em 2006. No Rio, onde foi fundada a Universal, a lista caiu de dez estaduais, em 2002, para dois, em 2010.
Prestigiado junto aos bispos da Universal, Vitor Paulo dos Santos tem rivalidade velada com Marcelo Crivella, senador do partido pelo Rio de Janeiro e sobrinho do fundador e líder máximo da Universal, Edir Macedo.
O presidente do PRB é a voz do Conselho de Bispos, que vê em Crivella, por vezes, independência exagerada devido aos laços de parentesco com Macedo. O conselho, assim, por meio de Vitor Paulo, já desautorizou acordos políticos feitos por Crivella em nome da igreja. Na campanha deste ano, quando Crivella disputava a reeleição, o presidente do PRB pouco se esforçou para ajudar seu congressista e só embarcou nos últimos dias, quando havia risco de perder o mandato. “Isso é uma inverdade. Tenho pelo Senador Crivella grande admiração e respeito. Trabalhamos muito pela sua reeleição. Somos grandes amigos.”
Fonte: Último Segundo


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Wednesday, November 17, 2010

Apple lança programa de incentivo à idolatria

A Apple gosta de dizer que “há um aplicativo de iPhone para tudo”. E agora tem um até para ver Jesus. Por um dólar, um novo programa lançado na App Store promete ajudá-lo na tarefa. “Sempre quis ver Jesus? Aqui está sua chance? Chame os amigos e família”, afirma a descrição do programa, publicada na loja online da Apple.
De acordo com a AppTech, desenvolvedora do See Jesus, uma “ilusão de ótica” é exibida com a imagem de Jesus em uma superfície branca após o usuário fixar a visão em um ponto do aplicativo por 30 segundos.
Segundo o CEO da empresa, Eric Ottens, um dos principais mercados para o programa será o Brasil, por conta do grande número de católicos. “Queremos oferecer programas religiosos para várias plataformas de smartphones”, explica ele.
Para quem se sentir indignado com o uso da religião para ganhar dinheiro, Ottens afirma que “vamos doar uma parte de nossas vendas para instituições de caridade. Vamos destinar 20% de toda a receita do See Jesus para Sociedade Americana de Combate ao Câncer”. Será que isso é o suficiente?
Fonte: IDG

COMENTÁRIO BÍBLICO: ironica e coincidentemente o programa lançado pela Apple combina perfeitamente com seu nome, cuja tradução do inglês é "maçã", símbolo da tentação de Eva e da origem do pecado. O programa de incentivo à idolatria é, por assim dizer, o fruto do pecado da Apple dos tempos tecnológicos.
Portanto, meus amados, fugi da idolatria. 1 Coríntios 10:14

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Aracaju: Evangélico morre afogado depois de batismo

Um adolescente de 14 anos, identificado como Fabrício Evangelista dos Santos, morreu afogado na Praia de Atalaia, na direção da Passarela do Caranguejo, em Aracaju, após a realização de uma cerimônia de batismo evangélico. O corpo de jovem, que estava desaparecido desde domingo, 14, foi encontrado na manhã desta terça-feira,16, por uma equipe do Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros.
Segundo informações repassadas por populares que presenciaram a trágica cena, Fabrício havia participado da cerimônia de batismo de uma igreja evangélica que sua família freqüenta. Após a cerimônia, o jovem voltou ao mar para brincar com um colega quando misteriosamente desapareceu.
Enquanto as buscas eram realizadas, um grupo de integrantes da igreja evangélica junto da família do adolescente permaneceu em oração, com a íntima esperança de ver o jovem ainda com vida. O corpo de Fabrício foi levado para o Instituto Médico Legal para necropsia e a posterior liberação para sepultamento. por Redação - aquiacontece.com.br  Fonte: alagoas24horas


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Empresários da fé

Curso ensina pastor a ser empresário da fé

A seara exige obreiros empreendedores, criativos, capazes de trabalhar em grupo e de liderar com visão global
Desmerece a obra de Deus aquele que se nega a entregar o dízimo. Deus não é mendigo e não precisa de resto
A igreja é uma empresa, e uma empresa difícil de ser conduzida porque o seu estoque são almas
O ser humano é interesseiro e quer que a igreja manifeste a presença de um Deus vivo com retorno imediato
O povo não pode ouvir os obreiros falar sobre as doenças deles. Como crerão se o próprio mensageiro não recebe a benção na prática?
A cartilha dos grandes empresários diz que, para se dar bem nos negócios, é fundamental estar atento às mudanças na sociedade, empregar com eficiência a propaganda, estudar o público-alvo, cuidar bem dos funcionários e vigiar a concorrência. Pois essas regras também valem para os que desejam abrir a própria igreja evangélica, segundo um curso oferecido pelo Seminário Brasileiro de Teologia (SBTe).
Uma frase presente na apostila do “Curso de Formação de Pastor” dá o tom do seu conteúdo: “A igreja é uma empresa, e uma empresa difícil de ser conduzida, porque o seu estoque são almas”.
Partindo da premissa de que os meios de comunicação transformaram a sociedade, o curso convoca os pastores a uma adaptação aos novos tempos: “As igrejas que não seguirem a cultura dos povos tendem a ficar vazias”.
A advogada e aluna do curso Laudicéia Koschitz, 39, concorda. Não acha errado, por exemplo, que as evangélicas se embelezem. “A mulher é uma obra mafavilhosa de Deus e precisa se arrumar.”
Hoje, diz o curso, o pastor deve ser “empreendedor, criativo, capaz de trabalhar em grupo e de liderar com visão global”.
As igrejas pentecostais já parecem ter entendido. Em 2002, segundo pesquisa do Eseb (Estudo Eleitoral Brasileiro), seus seguidores já eram 11,1% do total da população, número quatro vezes maior que em 1980.
Para aproveitar esse crescimento vertiginoso, o curso lista atitudes que devem ser tomadas pelo pastor empreendedor (leia quadro ao lado).
Antes de abrir uma igreja, por exemplo, ele deve estudar a região e o público-alvo. Se o local for pobre, ajudam a atrair gente a distribuição de lanches e o sorteio de cestas básicas.
Na Assembléia de Deus do Jardim do Apurá (zona sul de São Paulo), o fiel que fica até o fim do culto recebe um cachorro-quente.
É importante ainda que o pastor seja “um ator, um dramaturgo” para “acomodar o povo, chamar a sua atenção e fechar a sua boca”.
Para ser eficiente, ele é aconselhado a se alimentar bem e a se exercitar com musculação e corrida. Quando tiver de ministrar por tempo muito longo, deve evitar o sexo nos quatro dias anteriores.
Marcelo de Souza, 36, é um aluno que concorda com a importância do preparo físico. Se não jogasse futebol sempre que possível, talvez não conseguisse andar sem parar enquanto prega e nem ficar na ponta dos pés nos momentos mais dramáticos.
Outro fator determinante para o sucesso é pregar conforme a vontade do público. Em geral, diz o curso, pessoas mais pobres tendem a gostar de “ver coisas sobrenaturais” (como sessões de exorcismo), de dançar, cantar e ouvir o pastor falar em línguas estranhas (glossolalia).
Também se deve empregar o maior número possível de fiéis na igreja. “Os que participam e se sentem valorizados não migram para outra igreja, pagam o dízimo todo mês e trazem a família e amigos para vê-los.”
“O curso se vale dos melhores textos da área de administração e ensina recursos que uma empresa moderna utiliza para se manter competitiva num mercado globalizado”, diz o coordenador do MBA de Marketing da Fia (Fundação Instituto de Administração), Dilson Gabriel dos Santos.
Para o professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP (Universidade de São Paulo) Antônio Sauaia, o curso ensina uma técnica utilizada por empresas de produtos de consumo, que atraem o consumidor por meio de vendedores que vivem no mesmo bairro dele.
Administração eclesiástica
A apostila é dividida em cinco módulos. Os quatro primeiros, com 75 páginas, tratam da legislação sobre a prática religiosa (como obter subvenções do poder público, por exemplo), das diferenças entre as principais correntes evangélicas, da importância do emprego de técnicas de oratória na pregação e de como convencer os fiéis a pagar o dízimo.
O quinto e maior, com 63% do total de páginas, é intitulado “Administração Eclesiástica”. Nele, são indicados “projetos para multiplicar a quantidade de membros, templos e de caixa da igreja a cada 90 dias”.
O curso pode ser encomendado pela internet (www.cursodepastor.com.br) ou por telefone, custa R$ 450 e deve ser feito por correspondência em prazo estipulado de 90 dias.
Ao seu final, o aspirante a pastor deve enviar por correio à instituição, que tem sede em Ituiutaba (MG), as respostas a um questionário que fica nas últimas páginas da apostila. Se aprovado, ganha um diploma e uma carteirinha que, segundo o SBTe, “pode ser aproveitada em qualquer das diferentes denominações de igrejas evangélicas”.
O guru dos pastores
O pastor Omar Silva da Costa, 49, é o criador deste e de outros 17 cursos por correspondência também oferecidos pela internet. Os mais caros, chamados de “Bacharelado em Teologia Eclesiástica”, “Mestrado em Bíblia” e “Doutorado em Divindade”, custam, respectivamente, R$ 750, R$ 1.050 e R$ 1.350. Todos também têm duração de 90 dias e dão direito a carteirinha e diploma “para enriquecer o currículo”.
“Decidi oferecer os cursos assim, por correspondência, porque muita gente não tem condições de pagar escolas caras e passar quatro ou cinco anos estudando até se tornar pastor. Além disso, não há escolas de teologia em todas as cidades brasileiras.” Segundo Costa, o curso de formação de pastor, oferecido desde fevereiro deste ano, já foi vendido a mais de 500 pessoas –se o número estiver correto, as vendas já renderam R$ 225 mil, pelo menos. A procura tem sido tão boa que, no curso, ele prevê: “Em pouco tempo vai haver nas faculdades cursos de administração de igreja, como já há de administração hospitalar”.

COMENTÁRIO BÍBLICO: Os comerciantes da fé tem uma grande recompensa de Deus: poderão colocar milhares no céu, mas ficarão de fora dele e ainda receberão a parte que lhes toca pelo comércio que praticaram. Como o Senhor Jesus Cristo desceu o chicote nos cambistas e comerciantes do templo em Jerusalém, assim está também reservada uma punição para os comerciantes do Evangelho em todas as eras da igreja.  Aos olhos de Deus pastores ateus que usam a fé para comércio e enriquecimento são  "enganadores", "avarentos", "nuvens sem água", "filhos da maldição", "servos da corrupção", cujo fim é o espojadouro de lama. Pastores que começam seu ministério baseado em metas humanas e sem a unção do Espírito devem saber, desde já, o que são e o que devem esperar de Deus:

tendo os olhos cheios de adultério e não cessando de pecar, engodando as almas inconstantes, tendo o coração exercitado na avareza, filhos de maldição;  os quais, deixando o caminho direito, erraram seguindo o caminho de Balaão, filho de Beor, que amou o prêmio da injustiça. Mas teve a repreensão da sua transgressão; o mudo jumento, falando com voz humana, impediu a loucura do profeta. Estes são fontes sem água, nuvens levadas pela força do vento, para os quais a escuridão das trevas eternamente se reserva; porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne e com dissoluções aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro, prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo. Porquanto se, depois de terem escapado das corrupções do mundo, pelo conhecimento do Senhor e Salvador Jesus Cristo, forem outra vez envolvidos nelas e vencidos, tornou-se-lhes o último estado pior do que o primeiro.  Porque melhor lhes fora não conhecerem o caminho da justiça do que, conhecendo-o, desviarem-se do santo mandamento que lhes fora dado. Deste modo, sobreveio-lhes o que por um verdadeiro provérbio se diz: O cão voltou ao seu próprio vômito; a porca lavada, ao espojadouro de lama.- 2º Pedro 2:14-22
E:

2 Pedro 2:1-13

E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.
Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo-os lançado no inferno, os entregou às cadeias da escuridão, ficando reservados para o juízo;
E não perdoou ao mundo antigo, mas guardou a Noé, pregoeiro da justiça, com mais sete pessoas, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios;
E condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinza, e pondo-as para exemplo aos que vivessem impiamente;
E livrou o justo Ló, enfadado da vida dissoluta dos homens abomináveis
(Porque este justo, habitando entre eles, afligia todos os dias a sua alma justa, vendo e ouvindo sobre as suas obras injustas);
Assim, sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar os injustos para o dia do juízo, para serem castigados;
Mas principalmente aqueles que segundo a carne andam em concupiscências de imundícia, e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades;
Enquanto os anjos, sendo maiores em força e poder, não pronunciam contra eles juízo blasfemo diante do Senhor.
Mas estes, como animais irracionais, que seguem a natureza, feitos para serem presos e mortos, blasfemando do que não entendem, perecerão na sua corrupção,
Recebendo o galardão da injustiça; pois que tais homens têm prazer nos deleites quotidianos; nódoas são eles e máculas, deleitando-se em seus enganos, quando se banqueteiam convosco;
"Quem tem ouvidos para ouvir ouça o que o Espírito diz às Igrejas"

Pr. Wagner Cipriano


Irã: pressão da mídia mantém pastores vivos

O ministério Present Truth é um foco de luz que brilha para dois pastores cristãos não denominacionais que foram aprisionados pelas autoridades iranianas.
Os pastores Youcef Nadarkhani e Behrouz Sadegh-Khandjani estão impedidos de qualquer contato externo, inclusive de seus advogados. Um pastor chamou a atenção do governo e recebeu a pena de morte por realizar um protesto a respeito do ensino das crianças sobre o islã nas escolas. O outro falava em nome de três cristãos presos, e então foi levado para a cadeia.
Jason DeMars do ministério Present Truth diz que é desconhecido se os dois foram ou não torturados, mas eles são “submetidos à privação de longos períodos de sono de tempo em tempos.” No caso do segundo pastor, as autoridades de segurança ainda “procurou dar-lhe comprimidos que poderiam afetar seu estado mental e permitir-lhes a alegação de ser louco.”
As autoridades iranianas acreditavam que iriam evitar a atenção internacional já que os pastores não estão associados a uma denominação específica, mas, até agora, a cobertura da mídia tem sido limitada a estabelecimentos cristã.
DeMars diz que seu grupo está “muito, muito grato” [pela repercussão], mas é importante que “os cristãos entrem em contato com a Fox News, CNN e até mesmo com… os jornais locais e outros meios de comunicação. Informá-los de que gostaria de ver alguma cobertura sobre isso”, insiste.
Ele recomenda também atentar os representantes eleitos em Washington. Além disso, DeMars pontua que domingo é o Dia Internacional de Oração pela Igreja Perseguida, e acredita que esta situação constitui um bom exemplo do porque a oração é essencial.
Fonte: Portas Abertas / Gospel Prime

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Inglaterra: católicos posam nus para arrecadação de fundos para igreja


"Os moradores da cidade de Old Basing, na Inglaterra, decidiram fazer algo controverso para ajudar a igreja da cidade. Vários voluntários aceitaram ser fotografados sem roupa para um calendário que mostra-os em situações cotidianas, como partidas de futebol ou em atividades no seu local de trabalho. O objetivo é arrecadar dinheiro com a venda dos calendários de 2011 e ajudar a igreja católica Saint Mary. O alvo inicial é quatro mil libras, que serão doados para a paróquia. O restante irá para uma instituição de caridade.

A fotógrafa e idealizadora do calendário, Laura Haystaff, disse que as sessões de fotos foram muito divertidas. Ela ficou muito satisfeita com os resultados.
Entre as pessoas fotografadas estão cabeleireiras, açougueiros, padeiros e jogadores do time amador local.
Laura (28) explica: “Eu queria levantar algum dinheiro para a igreja da cidade e também ajudar o fundo de assistência da Legião Real Britânica. Inicialmente procurei 13 organizações, esperando que a maioria deles fosse dizer não, mas só tive uma recusa. As pessoas estavam muito interessadas em ajudar dessa maneira. Fiquei realmente surpresa com a vontade das pessoas de ficarem nuas para ajudar a caridade”.
Irene, uma aposentada, avó de seis crianças e que participou das fotos, afirmou ter gostado da experiência. Ela explica: “Foi por uma causa muito boa, e nos divertimos fazendo as fotos. Não fiquei com vergonha e meu marido e filhos me apoiaram. Somos idosos, mas pensamos ‘por que não?’ Não é todo dia que podemos fazer algo assim. Certamente faria de novo”." - Fonte: Metro, BBC e Gazette


COMENTÁRIO BÍBLICO: Não há justificativas para o pecado perante Deus. Só deixam evidente a ignorância humana em relação às Escrituras Sagradas. Estando em trevas e sem luz mostram viver na escuridão do pecado, fazendo tudo o que aborrece a Deus. E ainda se escondem atrás de justificativas inócuas. Não é à toa que Apocalipse 17 e 18 sentenciou a rainha das religiões à destruição. Estamos caminhando para a revelação total da Palavra de Deus e, muito em breve, o mundo aprenderá, a duras penas, que o Evangelho é a verdade e tudo que nele foi profetizado se cumprirá. Logo as falsas religiões serão e já estão sendo desmascaradas pelo fruto de suas ações:
Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos?
Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.
Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que {está} nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci: apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.
Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha:
E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha.
E aquele que ouve estas minhas palavras, e as não cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia.
E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda.
E aconteceu que, concluindo Jesus este discurso, a multidão se admirou da sua doutrina;
Porquanto os ensinava como tendo autoridade; e não como os escribas. - Mt. 7:16-29

 E:
E ouvi outra voz do céu, que dizia: Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas.
Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou das iniqüidades dela. - Ap. 18:4-5
NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Tuesday, November 16, 2010

Pastor proíbe uso de dispositivos USB

O pastor Welder Saldanha, fundador de um templo no interior de São Paulo, da Igreja Envangélica, resolveu proibir os fieis de usarem o dispositivos USB alegando que a tecnologia contém um símbolo do “demo” e não pode fazer parte dos lares cristãos. Assim como alguns afirmam que o “www” é o “666? do século 21. Ele declara que a imagem do USB é um símbolo do satanás. “O símbolo daquilo (USB) é um tridente, feito para torturar almas no inferno. 

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Evangélicos triplicam na Paraíba

Número de evangélicos triplicou em dez anos na Paraíba

Os evangélicos estão galgando espaços cada vez mais amplos, com o passar do tempo. Na Paraíba, assim como em todo o país, o fenômeno é percebido a partir do surgimento de novas denominações e do crescimento no número de fieis que frequentam igrejas tradicionais, que surgiram no país há quase um século. Nos últimos dez anos, a população evangélica no Estado quase triplicou conforme projeção do Ministério de Apoio com Informação (MAI), entidade cujo objetivo é fornecer informações para o crescimento da igreja evangélica.

De acordo com o último Censo Demográfico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referente ao ano de 2000, a Paraíba contava com 8,8% de evangélicos. Pela progressão prevista pelo MAI, o Estado chegaria a dezembro de 2010 com um universo de 22,4% de fieis ocupando os bancos dos templos das diversas denominações evangélicas, também conhecidas como protestantes. Transformando em números absolutos, a estimativa é que 2010 terminasse com 835.376 paraibanos declarados evangélicos.

Esse percentual supera a projeção do MAI para o Nordeste, em que 20,6% declaram a fé evangélica. A previsão leva em conta uma população de 3.737.100 que estariam morando nos 223 municípios paraibanos até o final deste ano. Para se ter uma noção do tamanho da expansão das congregações no Estado, basta observar as taxas de crescimento anual: entre 1991 e 2000 a taxa de crescimento anual da população foi de 0,80%, enquanto que a taxa de crescimento anual de evangélicos, no mesmo período, foi de 10,70%.

Ainda conforme levantamento feito pelo Ministério, a taxa de crescimento anual dos evangélicos no país foi sete vezes maior do que a taxa de crescimento da população. Entre 1991 e 2000, o aumento na quantidade de evangélicos foi de 4,5 a mais do que a evolução na estatística populacional. Em João Pessoa, pelo menos 622 igrejas estão com as portas abertas. A estatística partiu do banco de dados divulgado no site do MAI e que não reflete números absolutos, pois as informações foram construídas a partir da colaboração dos usuários do serviço.

A ampliação na quantidade de igrejas trazida pelo boom evangélico percorre todas as cidades e atrai não apenas pessoas da classe baixa. É cada vez mais comum a presença de pessoas bem sucedidas financeiramente. A explicação dos líderes da religião protestante é que os dramas da vida, doenças e problemas trazidos pela inserção das drogas no seio familiar são as principais causas do fenômeno que lota as igrejas.
Já quem está de fora acredita que os artifícios usados pelos líderes dessas denominações, como promessas de prosperidade, são os pontos que mais chamam a atenção dos seguidores.

Divergências à parte, o fato é que mais templos estão sendo erguidos e cada vez mais pessoas chegam para pedir ajuda divina nas congregações evangélicas. Igrejas tradicionais como a Assembleia de Deus e a Primeira Igreja Batista sentem esse crescimento. A mídia evangélica forte e discurso marcado pelo louvor e pelas mensagens voltadas para alma humana podem ser a principal razão para esse crescente evolução da igreja.

Há pouco menos de dois anos, Patrícia Maria dos Santos participa das reuniões na 1ª Igrejas Batista. Pelo menos um dia na semana (em geral, no domingo à noite), ela se prepara para assistir ao culto. “Se fico sem ir, sinto muita falta. Lembro que no primeiro dia em que visitei a igreja, senti uma emoção muito grande, foi em um culto da vitória. Decidi aceitar a Jesus e muitas coisas melhoraram na minha vida. Através das minhas orações já consegui muitas bençãos. Sou a única na família que é evangélica e encontro certa resistência do meu marido”, confessa a auxiliar de serviços gerais, que tem 20 anos e é casada há oito.

Jornal da Paraiba

NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

Israel: incendiário destrói Igreja da Aliança em Jerusalém

Um incendiário não identificado em Israel ateou fogo no prédio de uma igreja em Jerusalém, que durante muito tempo vem sendo foco de hostilidades anticristãs num bairro de inclinação judaica ultra-ortodoxa, informaram representantes da igreja.
Em 29 de outubro, pouco antes de 1 hora da manhã, um homem quebrou os vidros da janela do porão do centro ministerial da Igreja da Aliança de Jerusalém e ateou fogo nos andares inferiores do prédio. Um morador da redondeza percebeu o fogo e chamou os bombeiros, que chegaram 20 minutos depois e encontraram todo o porão e o andar térreo da igreja ardendo em chamas. Os bombeiros apagaram o fogo, dissiparam a fumaça, e partiram após inspecionarem o restante do prédio, disse Jack Sara, o pastor da igreja.
A fumaça e o barulho das madeiras ardendo, despertaram dez trabalhadores voluntários que dormiam nos albergues da igreja. Os voluntários – cidadãos americanos e dinamarqueses em visita a Israel – foram levados para um hospital nas proximidades e receberam cuidados médicos contra intoxicação por fumaça; eles só receberam alta muitas horas depois, informaram os líderes da igreja incendiada.
Os prejuízos sofridos pela igreja por causa do ataque criminoso chegaram a 85 mil dólares. O fogo destruiu todo o porão, assim como as benfeitorias recentes. O Pastor Sara afirmou estar tendo dificuldade para entender como o incendiário pôde ter tido tanto ódio. Ele garantiu que o criminoso sabia que havia pessoas dentro da igreja, mas praticou a violência mesmo assim. “Sua intenção não foi só causar danos materiais, mas matar gente”, afirmou Sara. “Quem quer que tenha sido, teve a intenção de matar.”
De acordo com o pastor, os investigadores acreditaram inicialmente que o incêndio foi acidental. Depois, mudaram a versão, admitindo a participação de um incendiário, mas retornaram para a afirmação original de que foi um mero acidente. Embora a imprensa israelense tenha noticiado que os investigadores não anunciaram sua conclusão definitiva, Sara disse que os investigadores lhe confidenciaram que o incêndio tinha sido “muito suspeito”. Contrariando alguns relatos, ele garantiu que não havia velas acesas no porão quando o incêndio começou.
Sara afirmou que sua igreja por hospedar vários grupos religiosos, inclusive de cristãos árabes e de judeus messiânicos expatriados, recebe ameaças com freqüência. Ele disse já ter sofrido hostilidades “de todos os lados”, incluindo judeus ortodoxos,  militantes palestinos, e até de comunidades cristãs ortodoxas.
Não é inédito que extremistas ultra-ortodoxos do judaísmo estejam envolvidos com incêndio de igrejas ou Bíblias em Israel. Não muito longe do centro ministerial situa-se a Igreja Batista da Rua Narkiss. Em 2007, esta igreja foi danificada por um incêndio que, acredita-se, tenha sido provocado por judeus ultra-ortodoxos. O prédio da igreja foi reconstruído no terreno de outra igreja que havia sido destruída há 25 anos por grupos anticristãos.
Fonte: Portas Abertas


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

10+ do Mês no Noticiário Evangélico

Posts Comentados Evangélicos no Mundo Israel Igreja Perseguida evangelização Nacionais Pastores Homossexualismo Evangelho no Mundo Testemunhos Boletim de Ocorrências Evangelismo Islamismo Lançamentos Fim dos Tempos intolerância religiosa contribuição evangélica Fim do Mundo Conflito árabe-israelense Oriente Médio Tempo do Fim muçulmanos Apocalipse Desempenho Evangélico leis apostasia Notícias de Israel Islã Fim dos Dias Eventos anticristo homofobia UniãoNet Bancada Evangelica Homofobia X Liberdade de Expressão TRIBUNAIS Política Fim da Igreja Convertidos Conversões Crimes Heresias Tragédias Arrebatamento Ciência Falsas Doutrinas Falsas Religiões Lei Anti-Homofobia sinais dos tempos Arqueologia Ateísmo Filme Grande Tribulação Ciência e Tecnologia Gospel Music Tribulação Direito de Israel ecumenismo Catolicismo PLC 122/06 Acidentes Degradação Moral Restauração de Israel conversão Bíblia X Apostasia Alerta Bíblico Doutrina ICAR IURD Jerusalém Perversão das Leis Casamento Desvarios das Leis Kit Gay Abominações Governo Mundial ONU Terrorismo Discriminação Educação Sexual Gogue e Magogue Ocorrências Polícia Satanismo anticristos Arca de Noé Drogas Política e Religião Seitas Teologia da Prosperidade Comentários Bíblicos Evangelização em Israel Filme Evangélico Livro fé evangélica Bíblia Cartilha Homossexualizante Criacionismo Fanatismo Religioso Sexo Crise Financeira Desvio de Comportamento Ensino Religioso nas Escolas Mídias Homossexualizantes cultura evangélica curiosidades Justiça dos homens X Justiça de Deus Política versus Evangelho SEMANÁRIO EVANGÉLICOS NO MUNDO Sociedade Bíblica do Brasil - SBB Vaticano meditação bíblica 2012 Antisemitismo Doença Espiritual Ferramentas do Evangelho Kit Promiscuidade Liberdade Religiosa Liberdade da Crença Microchips Nova Ordem Mundial Pastortos Pecado Pornografia STF Santificação religiões unidas Alerta Evangélico Direitos Humanos GLS Pedofilia Profecias Maias ecumênico rainha das religiões Ambiente Idolatria Maçonaria Mordaça Gay Novidades da Informatica Terremotos Tribunais de Inquisição Acordo de Paz Arrependimento Bíblia na China Edificação Espiritual Exportando fé GLBT Habeas Corpus Lutero Nova Era ORU Operação do Erro Processo de Paz Protestante Protestantismo Qumran Softwares evangélicos curiosidades bíblicas restauração sentença divina Abaixo Assinado Agentes do Engano Arca da Aliança Arrebatômetro Calendário Judaico Disciplinando os Filhos Divórcio Evangélicos X Carnaval Judeus Messiânicos Ocultismo: Invasão Silenciosa Programa Brasil sem Homofobia Queda Espiritual Símbolos Pagãos Virgindade besta bússola dourada obra de Deus AH1N1 Adoção Anjo Caído Castidade Deísmo Diabo ECA Megaterremoto PNDH3 Pestes Prêmio Nobel da Paz STJ apóstolos
There was an error in this gadget